Cerveja: Só para descontrair?

A cerveja (do gaélico cerevĭsĭa) é uma bebida produzida a partir da fermentação de cereais, principalmente a cevada maltada, e acredita-se que tenha sido uma das primeiras bebidas alcoólicas a serem desenvolvidas pelo ser humano. (Fonte Wikipedia)

Será que nós, cristãos, podemos dar uma “golada” na loira?
Afinal de contas, também precisamos descontrair…

“Crente pode beber uma cervejinha só pra descontrair?

Meus amigos cristãos bebem e acredito que não há mal algum nisso!”
Bom, antes de qualquer coisa, vamos consultar nosso manual de sobrevivência…

“Vivamos decentemente, como pessoas que vivem na luz do dia. Nada de farras ou bebedeiras, nem imoralidade ou indecência, nem brigas ou ciúmes.
Mas tenham as qualidades que o Senhor Jesus Cristo tem e não procurem satisfazer os maus desejos da natureza humana de vocês.” (Romanos 13:13-14)

Andar em farras, bebedeiras, imoralidade, indecência, brigas e ciúmes significa satisfazer os maus desejos da nossa natureza humana.

“Ah, mas não vou beber para me embriagar, é apenas uma descontração!
O máximo que eu bebo são duas latinhas somente…”

Estou começando a achar que o adolescente que disse a frase acima, somente perguntou por perguntar e já está enchendo o “fole” de cerveja!

“Examinem tudo, fiquem com o que é bom
e evitem todo tipo de mal.” (I Tessalonicenses 5:21 e 22)

Precisamos fazer boas escolhas e evitar o mal!

Não devemos brincar com fogo!
O simples fato de achar que estamos no controle da situação, já nos faz estar numa área de risco, no tocante a este assunto.
Pequenas quantidades de cerveja já causam prejuízo de julgamento e diminuição da inibição. Ou seja, irá alterar seu equilíbrio. Daí em diante, não conseguirá respeitar os próprios limites que você havia estabelecido.

Me responde uma pergunta: Você chamaria o seu pastor para “tomar uma gelada” após o culto?

Alguns podem dizer: “- É só beber com moderação que não tem problema, afinal faz bem pra saúde!”

Não seja ignorante!

Foi comprovado pela Organização Mundial da Saúde(OMS) que o consumo moderado de álcool está associado a um maior risco de doença de Alzheimer e outras doenças senis, angina de peito, fraturas e osteoporose, diabetes, úlcera duodenal, cálculo biliar, hepatite A, linfomas, pedras nos rins, síndrome metabólica, câncer no pâncreas, doença de Parkinson, artrite reumática e gastrite. O consumo moderado também pode dificultar a memória e o aprendizado, e até piora a pontuação em testes de QI. (Fonte Wikipedia)

Acredito que Ló também deve ter pensado como o adolescente que não vê mal algum em beber pra descontrair…

Vejamos…

“Certo dia a filha mais velha disse à mais nova: – O nosso pai já está ficando velho, e não há nenhum outro homem nesta região. Assim não podemos casar e ter filhos, como é costume em toda parte.

Venha cá, vamos dar vinho a papai até que fique bêbado. Então nós nos deitaremos com ele e assim teremos filhos dele.

Naquela mesma noite elas deram vinho ao pai, e a filha mais velha teve relações com ele. Mas ele estava tão bêbado, que não percebeu nada.

No dia seguinte a filha mais velha disse à irmã: – Eu dormi ontem à noite com papai. Vamos embebedá-lo de novo hoje à noite, e você vai dormir com ele. Assim, nós duas teremos filhos com ele e conservaremos a sua descendência.

Nessa noite tornaram a dar vinho ao pai, e a filha mais nova teve relações com ele. De novo ele estava tão bêbado, que não percebeu nada.

Assim, as duas filhas de Ló ficaram grávidas do próprio pai.

A mais velha teve um filho, a quem deu o nome de Moabe. Ele foi o pai dos moabitas de hoje.

A mais nova também teve um filho e pôs nele o nome de Ben-Ami. Ele foi o pai dos amonitas de hoje.”(Gênesis 19:31-38)

Os filhos deste incesto foram os ancestrais de duas nações (Moabitas e Amonitas) que se tornaram um problema habitual para Israel.

O “aprecie com moderação” exibido em todo comercial de cerveja é algo ilusório, pois se perde a capacidade de julgamento e auto controle.
Um conselho para o adolescente em questão:
“- VAi adorar, rapaz!
Adoração é melhor que descontração!
Adore sem moderação e verá que não precisa de uma cerveja pra ter a alegria!”
Abraço, galera!
Fonte: http://www.galeraradical.com
Anúncios

3 Respostas para “Cerveja: Só para descontrair?

  1. eu nunca bebir, pois sempre fui criada com base nos principios biblicos,
    porem vejo na minha rua meninas de minha idade(16) e até mais nova que resolveram experimentar por curiosidade o alcool, e hoje bebem como verdadeiros pingunças, o fato é q a bebida é uma droga como outra qualquer, e vicia do mesmo jeito gerando uma dependencia.
    e para quem diz q só bebe socialmente ou nos finais de semena, isso já é principio do vicio!

    Curtir

  2. Tenho que confessar que a cerveja foi uma luta bem grande desde que me converti… e confesso também que fazia parte da turminha que diz: só um pouco não dá nada, o que a bíblia diz é pra não se embreagar, então de boa. rs…. Mas Deus fala…. fala qdo vc descide mudar e viver uma vida LIVRE com Deus. Ainda tenho vontades, mas maior é Deus que em mim está!!! Me lembro tbem que as minhas maiores besteiras da vida foi quando eu estava embreagada!!!!!! Isso é fato!!!! Não é desculpa… mas realmente, a bebida tira toda timides e bom senso!…

    Curtir

Seu comentário é importante para nós! :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s